Alfonso X
Jogos Modernos
Jogos de Mesa
Jogos Infantis
Jogos para Grupos
Jogos de Rua
Quebra-Cabeça
Jogos de Tabuleiro
Jogos Diversos
Jogos de Boteco
Jogos Matemáticos


Escritos
Concursos



 
Pega Varetas  

Este é mais um jogo, daqueles que conhecemos quando crianças, e acabamos por não indagar a sua origem, tal é a familiaridade que temos com ele.

Segundo o que apurei, o "pega-varetas" ou "jogo de varetas", tem varias origens possíveis:

Derivaria do jogo indiano chamado "Jonchet", sendo que tal jogo é descrito no livro "Diálogos de Buda", que teria sido escrito no século V a.C. Outra hipótese, é que o jogo teria suas origens no jogo "Mikato", ou "Spillikins" ou "Spelicans", jogo chinês, no qual as "varetas" seriam feitas de marfim.

Interessante notar que entre os orientais, a "palomancia", ou adivinhação através do lançamento de bastões ou varas, era muito comum, indicando talvez, que este jogo (assim como tantos outros) teve sua origem nas artes divinatórias.

Em inglês, este jogo tem o obvio nome de "Pick-up-Sticks". Segundo alguns estudiosos, o nome derivaria de jogos mais antigos, chamados "Jerkstraws" ou "Juggling-sticks". O jogo teria sido um dos prediletos de Luis XIII, Rei de França.

Independentemente de sua origem, suas regras são mais ou menos as mesmas: as varetas são lançadas sobre uma superfície plana. O jogador deve então tentar retirar as varetas, uma a uma, sem mover as demais. Caso venha a move-las, deverá ceder a vez ao adversário. Vence aquele que conseguir o maior número de varetas, ou caso tenha elas valores atribuídos em função de sua cor, aquele que conseguir maior número de pontos.

As regras, a meu ver, são um indicativo seguro da origem oriental do jogo: é exigido do jogador, muita paciência, calma, tranqüilidade e habilidade, além de movimentos tranqüilos e lentos, características, a meu ver, encontradas em muitas atividades orientais.

Ouso até a dizer que mesmo o material de confecção do jogo "tradicional" (hoje em dias, as "varetas" são feitas de plásticos, nos jogos comerciais), de alguma forma, "lembra" o oriente, já que são comuns as construções feitas de madeira e bambu, tanto no Japão como na China.

Este jogo foi adquirido em uma "loja indiana", em um shopping center de São Paulo, quando eu fazia compras para o "Dia das Mães" de 2003.

O interessante, é que comprei nessa loja uma "legítima roupa indiana", para minha esposa, feita no Estado de Santa Catarina, o que me leva a duvidar da origem indiana deste conjunto em particular...

HOME