Alfonso X
Jogos Modernos
Jogos de Mesa
Jogos Infantis
Jogos para Grupos
Jogos de Rua
Quebra-Cabeça
Jogos de Tabuleiro
Jogos Diversos
Jogos de Boteco
Jogos Matemáticos


Escritos
Concursos



 
Banco Imobiliário  

Talvez o jogo de tabuleiro mais supervalorizado da história. Acho horrível. Mas, independentemente da minha opinião, certamente é um sucesso de vendas.

Com o nome de "Monopoly", foi criado em 1935, sendo produzido até hoje pela empresa "Parker Brothers".

O jogo parece ser uma "Ode ao Capitalismo". Coisa, sem dúvida, de americanos. Apesar disso, teve até uma versão em russo!


Com o tempo, ganhou inúmeras versões, tais como:

Monopoly - Australian Edition (1935)
Monopoly - Batman and Robin Collector's Edition (1997)
Monopoly - Coca-Cola Collector's Edition (1996)
Monopoly - Dale Earnhardt Edition (2000)
Monopoly - Elvis Presley 25th Anniversary Edition (2003)
Monopoly - Ford 100th Anniversary Edition (2003)
Monopoly - Harley-Davidson Motorcycles "Live to Ride" Edition (2000)
Monopoly - Hawaii Edition (1996)
Monopoly - Heirloom Edition (1997)
Monopoly - Hong Kong Edition
Monopoly - Justice League of America Edition (2003)
Monopoly - Looney Tunes Edition (2000)
Monopoly - Michael Graves Design (2002)
Monopoly - Millennium Edition (2000)
Monopoly - Muppets Edition (2003)
Monopoly - Nostalgia Wooden Box Edition (2001)
Monopoly - Pokemon Edition (1999)
Monopoly - Scooby-Doo Fright Fest Edition (2002)
Monopoly - Simpsons Edition (2001)
Monopoly - Star Trek Limited Edition (2000)
Monopoly - Star Wars Episode 1 - Collector Edition (1999)
Monopoly - Star Wars Limited Collectors Edition (1997)
Monopoly - Stock Exchange (2001)
Monopoly - The .com Edition (2000)
Monopoly - The Dog Artlist Collection Edition (2003)
Monopoly - World Cup France 98 Edition (1998)
Monopoly Deluxe Edition (1995)
Monopoly Junior (1990)
Monopoly Junior - Deep Sea Adventure (2000)
Monopoly Junior - Toy Story Edition (2001)
Monopoly Playmaster (1982)
Monopoly Stock Exchange (2001)
Monopoly: The Card Game (2000)

No Brasil é produzido pela Estrela. Não apurei desde quando, mas lembro-me que tive várias versões do jogo, quando criança.

De qualquer forma, gosto não se discute. Na seção de regras eu tenho as regras para o jogo. e na seção de programas tenho uma versão eletrônica do jogo, que o amigo DONIZETE fez o imenso favor de analisar para mim:

BANCO IMOBILIÁRIO JR.

Comentários sobre o programa:

Pontos positivos:

  • Não é preciso ter um jogador “superatarefado”, administrando seu jogo e sendo o banco (cuidar das regras, dinheiro, hipotecas, trocos de notas, etc)

  • O tabuleiro custa nas casas do ramo, entre R$ 40,00 e R$ 50,00 (pesquisa feita em maio/03) – boa economia...

  • Não é preciso fazer cálculos, mexer com notas, etc. – basta o mouse.

Pontos negativos:

  • Não é possível jogar sozinho, pois o programa não assume uma identidade para ser outro jogador

  • Não é possível jogar on-line (net) com outras pessoas

  • O programa não ensina a jogar e não traz as regras, apenas habilita quando está possível, os ícones de compra, venda, hipoteca, etc. mas quem não sabe jogar, não vai entender nada.

Conclusão: este software é apenas um “quebra-galho” se você não tem um tabuleiro, ou usando a imaginação e previamente formando as regras de ética e conduta, pode jogar, mesmo estando sozinho... (mas não é muito divertido).

HOME